Tem por objetivo oferecer suporte emocional ao paciente crônico e familiares em domicílio, focalizando temáticas relacionadas.

O atendimento domiciliar atenderá principalmente ao paciente que está impossibilitado de ir até a clínica. Geralmente pessoas que passam por cuidados médicos e necessitam de repouso. Idosos, obesos ou deficientes físicos que sentem dificuldades de se locomoverem até o consultório. Ou alguma outra situação grave relacionada a depressão, síndrome do pânico.

Antes deveremos avaliar a devida situação para que o trabalho seja efetivo e adequado.